Cafe fofo em Londres: cha da tarde no Peggy Porschen

Café fofo em Londres: chá da tarde no Peggy Porschen

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Planejando o dia em Londres, uma das nossas “exigências” era tomar um chá!

Não necessariamente o tradicional chá da tarde, que pode custar dezenas de libras e ter um buffet cheio de comida, mas realmente um chazinho, de preferência num lugar bem fofinho, com uma cara diferente dos que vemos aqui na Itália.

Diante das opções que minha amiga que mora na cidade deu, optamos pelo Peggy Porschen. Embora o carro-chefe sejam os bolos, é essencialmente um café (é muito estranho escrever sobre chá e falar que o lugar é um café!) cor de rosa, cheio de flores e que mais parece uma casa de boneca do que um estabelecimento comercial!

No inverno, o chá das cinco é depois que anoitece!

Você provavelmente já deve ter visto foto dela no Pinterest ou no Instagram, já que a porta contornada por flores é uma referência bem conhecida. Não sei se foi a Peggy Porschen que começou essa moda, mas há vários cafés do tipo em Londres: no mesmo dia, tomamos o café da manhã em um pequeno chamado Elie’s, em Camden, que também é todo fofo.

A unidade que fomos, em Belgravia, é a primeira que foi aberta, em 2010. Há outra, inaugurada no ano passado, que fica em Chelsea.

Mas vamos falar do que interessa: a comida + o preço!

Peggy Porschen: vale a pena?

A loja é conhecida pelos cupcakes, então fomos direto neles, apesar de existirem outras opções de bolos. Havia com uma linha especial de cupcakes para o Valentine’s Day, então fomos neles e escolhemos um de red velvet e um de champagne.

Os cucpakes são realmente muito bons, além de lindos – a decoração é um dos pontos mais fortes da loja; tanto que, até o ano passado, eles ofereciam cursos de confeitaria. Os preços correspondem: o cupcake de red velvet saiu por 5,95 libras, enquanto o de champagne foi 6,95.

 

Já os chás foram, para mim, o ponto alto. Talvez seja a impressão de alguém que tomou um chá inglês pela primeira vez na vida, visto que estávamos em uma loja de bolos na qual o chá é um mero acompanhamento, mas, mesmo que seja esse o caso, o chá inglês é tudo o que falam dele mesmo.

Eu optei por um caramel rose, enquanto meu marido e minha amiga dividiram um earl grey & orange. O preço para dividir, claro, é mais em conta, e arrisco dizer que até dá para tomar em três a jarrinha de dois: o individual saiu por 3,75 libras, enquanto o para dois custou 5.

O sabor desses chás é algo difícil de descrever: muito mais forte e aromático do que estamos acostumados. Com as ervas, flores e frutas visíveis no infusor da jarra, ele é perceptivelmente um chá muito fresco, que faz os nossos de saquinho parecerem água suja.

É fofo, mas às vezes a decoração supera o fofo e chega no cafona, rs

Além da qualidade do menu ser muito boa, o atendimento no Peggy Porschen também é muito acolhedor – e nem estou me referindo especificamente ao fato de que garçom, quando eu disse que tinha perdido meu celular, procurou imediatamente a funcionária que tinha encontrado um aparelho na rua e o guardou (sim, isso aconteceu, uns cinco minutos de pânico por ter perdido meu celular em Londres).

Soma-se a isso o ambiente aconchegante e o resultado é uma experiência muito gostosa de chá da tarde que, mesmo que não seja o tradicional inglês, é uma opção intermediária (claro, é possível encontrar opções mais baratas!): minha conta, que foi a mais cara dos três, ficou em 9,70 libras, sem contar o serviço.

Serviço

Peggy Porschen Cakes
116 Ebury St, Belgravia
Dias e horários: aberto todos os dias, das 8 às 20h
Site oficial

Veja os outros posts do blog sobre Londres:

Video

***

Café fofo em Londres: chá da tarde no Peggy Porschen

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
  • Sobre
giovana penatti beijo e ciao perfil 3

Giovana Penatti

Oi 🙂 Meu nome é Giovana, sou jornalista e criei o Beijo e Ciao para falar sobre viagens: dicas de passeios, lugares incríveis, experiências transformadoras e as dores e alegrias de morar fora! Originalmente, sou de Piracicaba-SP. Hoje, moro na Itália. Para saber mais sobre o blog e entrar em contato, clique aqui!

  • Comentários