O primeiro episodio do podcast Beijo e Ciao

O primeiro episódio do podcast Beijo e Ciao

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

Lancei o Beijo e Ciao em novembro de 2018, mas nunca esperei que ele ficasse só no texto. Apesar desse ser o meu forte, onde tem possibilidade de levar conteúdo de outra forma, eu vou – e, assim, estamos no Instagram, no Youtube e, a partir de hoje, em podcast também!

O podcast tem o mesmo nome do blog e tem a intenção de contar histórias que não caberiam em nenhum outro lugar. São as histórias que gostamos de ouvir e de falar: coisas que aconteceram em viagens, momentos que marcaram nossas vidas, aprendizados, erros, descobertas. Aquelas que, enquanto acontecem, não parecem ser reais; e, quando nos lembramos, é até difícil acreditar que foi com a gente que isso aconteceu.

Elas são a beleza dos detalhes, os momentos que a câmera não capta, as palavras que grudam na memória quando o rosto das pessoas que as disseram já não existe mais. Acho que é por causa dessas histórias que gostamos tanto de viajar, que nos aventuramos em outros códigos postais, valores de câmbio e idiomas – e de falar sobre isso.

Sabe aquela história que te faz pensar “rapaz, o roteirista tava inspirado hoje”? É essa inspiração que você encontra no podcast Beijo e Ciao!

O primeiro episódio, o piloto mesmo, conta com um relato meu.

Não é minha “melhor” história de viagem, mas se conecta bem com o tema. Estou falando da minha primeira viagem internacional, mais precisamente da chegada ao destino: com um planejamento que não funcionou, um celular sem bateria e uma mochila de uns 15kg nas costas, cheguei em Manhattan sem a menor ideia de onde eu deveria ir ou o que deveria fazer, e aprendi que, se precisar, eu me viro na marra, sim.

É uma história de desencontro, confusão e coragem, de uma moça de 22 anos que torrou todo o dinheiro que tinha para ver se conseguia fazer algo que nem sabia direito o que era. Que só queria ver coisas bonitas, conhecer lugares diferentes e ter histórias pra contar, e acabou descobrindo que viajar, ainda mais sozinha, é muito mais do que ver pontos marcados num mapa.

Pra ouvir, é só dar play aí embaixo:

O podcast também está disponível no Spotify, clique aqui para ouvir!

Aproveite para seguir o podcast Beijo e Ciao no Spotify!

Fotos e vídeos mencionados no episódio:

A chegada no aeroporto depois de um vôo cruzando o mundo e 12h de escala: zero condições

 

Selfie (na época chamava EGOSHOT) com o Madison Square Garden pra lembrar da vez que cheguei em NY e só sofri – no fundo, eu sabia que iria rir dessa história num futuro bem próximo

 

Não contei no podcast, mas conto aqui: o resto do dia foi nublado, garoento, e eu estava bastante desanimada com a perspectiva de ter que passar a viagem toda vendo um céu cinza e fugindo de garoa (o clima afeta DEMAIS meu humor, rs).

Nessa hora, eu estava sentada no Rockefeller Center, novamente pensando o que eu tava fazendo da minha vida de estar nos EUA sem nenhum dinheiro ou empolgação, quando saiu um solzinho bem na minha cara que foi quase um carinho. Em vez de contar tudo o que tinha dado errado até então, eu resolvi olhar tudo o que tinha dado certo e fiquei muito, mas muito feliz mesmo de estar vivendo aquilo <3

 

Vídeo explicando como usar o metrô de NY:

Quer mandar sua história e participar do podcast? Clique aqui para preencher o formulário me contando como foi! 🙂

O primeiro episódio do podcast Beijo e Ciao

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
  • Sobre
foto perfil beijo e ciao giovana penatti (2)

Giovana Penatti

Oi 🙂 Meu nome é Giovana, sou jornalista e criei o Beijo e Ciao para falar sobre viagens: dicas de passeios, lugares incríveis, experiências transformadoras e as dores e alegrias de morar fora! Originalmente, sou de Piracicaba-SP. Hoje, moro na Itália. Para saber mais sobre o blog e entrar em contato, clique aqui!

  • Comentários